quinta-feira, 27 de março de 2008

O ADEUS A RICHARD WIDMARK


Morreu um dos últimos grandes heróis da época dourada de hollywood.

Tal como refere o obituário do Público, Widmark, ficou marcado pela sinistra gargalhada de Kiss of Death. Foi o seu primeiro filme que o rotulou logo como um dos grandes "duros" do cinema.

Recordei-o recentemente quando a RTP Memória passou "Two Rode Together" de John Ford, lembro-me que fui consultar o IMDB para saber a idade dele.

Na minha memória fica mais um papel de duro, No Way Out. Neste filme de Mankiewicz de 1950, Widmark, é Ray Biddle, um criminoso ferido que recusa tratamento de um médico negro(Sidney Potier) e o acusa da morte do irmão às suas mãos.

Esta sexta-feira à noite, a RTP Memória, exibe "Warlock", um western de Edward Dmytryk onde se poderão também recordar grandes actores como Henry Fonda e Anthony Quinn.

4 comentários:

gitas disse...

A presença dele nos filmes sempre foi muito carismática.
Beijos

pinguim disse...

Soube agora por este post da morte de Richard Widmarck; nunca lhe deram um papel à sua altura, mas foi um dos grandes actores americanos do século XX; apesar de tantas aparições nos mais variados tipos de filmes, era no western que mais se destacava. Vou procurar ver ou gravar amanhã o "Warlock" que ainda não vi.
Já agora uma palavra de agradecimento à RTP Memória, pela recuperação de autênticas boas obras que nos tem oferecido.
Abraço.

Algbiboy disse...

Também soube tal como o amigo pinguim da morte deste grande senhor. Fica a sua obra...
Abração grande
Miguel

Special K disse...

Gitas: Era mesmo, sempre gostei da maneira como ele "enchia" o ecrã.
Beijos.

Pinguim: Eu soube apenas hoje de manhã ao ler os titúlos do Público última hora nos meus blogues. Neste momento a RTP Memória é o meu canal de cinema preferido.
Não se nota muito mas tenho uma grande paixão por cinema, em especial o cinema clássico e vibro mesmo com estes "velhos" actores e actrizes.
Um abraço.

Algbiboy, desculpa mas Miguel é mais fácil: felizmente a obra supera a mortalidade do actor. Haja outros humanos para preservar a arte deste e de outros como ele.
Um abraço.