quarta-feira, 5 de março de 2008

DIMINUTIVOS

Meus amigos, costumam reparar nos empregados de mesa?
Este até era bem jeitosinho mas tal como outros na sua
profissão tinha a mania dos diminutivos:
Era o pãozinho, a manteiguinha, o robalinho, a saladinha e a moussezinha.
No fim ainda me perguntou se eu queria o cafézinho.
Eu disse que não, queria só a continha. Curiosamente foi aí que acabaram os diminutivos.

8 comentários:

rato do campo disse...

Essa foi muito bem metidinha! Abraço!

pinguim disse...

Já uma vez engatei um assim, co umas "cosinhas" (já foi há séculos, quando eu era malandro...)
Abraço.

gitas disse...

Gargalhadas:))))
Beijos

Alma Nova disse...

Pensando bem...existem formas de expressão sem qualquer razão! Será mesurice, palermice, servilismo...ou pura estupidez?!

Special K disse...

Rato do Campo: Foi não foi? devias ter visto o tipo, pena que ele tinha um ar demasiado hetero.
Um abraço.

Pinguim: Olha as coisas que eu vim a descobrir de ti. Com que então já foste malandro ;)
Um abraço.

Gitas: A parte da continha é que já não teve piadinha :)
Bjks

Alma Nova: Realmente a mania dos diminutivos nos empregados de mesa é coisa que nunca percebi.
Bjks

Angell disse...

Olá rapaz, e tens mesmo razão! :))

Mas não são só nos restaurantes os diminuitivos! Lololol

Bjs!

Luís Galego disse...

uma piadinha este postezinho (que é um postezão, na verdade)

Special K disse...

Angell: Rapariga, devem estar na moda.
Bjks

Luís Galego:
Obrigadinho pela visitinha e pelo comentáriozinho.
Um abracinho